21 de agosto, 2017
1829

Juca Kfouri: Ronaldo Fenômeno não aprende, agora é Dória

Depois de Aécio, Ronaldo dá o chute da morte ! Fenômeno acelera e dá sorte!

O Prefake que traiu o Alckmin levou o Ronaldo, um fenômeno eleitoral!, para uma operação de marketing da Nike (de que o Ronaldo foi empregado) e inaugurou um campinho de futebol-society no parque do Ibirapuera, playground de coxinhas.

Se tem uma coisa que o Ronaldo sabe fazer é dar sorte a candidato a Presidente! por Conversa Afiada de PHA Paulo Henrique Amorim - 21/08/2017 - texto e foto montagem capa

Ronaldo Fenômeno não aprende, por Juca Kfouri 21/08/2017 00:00

Juca Kfouri: Ronaldo Fenômeno não aprende; agora, é Doria - por VIOMUNDO 21/AGO/2017

As fotos falam por si mesmo: 

João Dória e Ronaldo em SP 


Ronaldo e Aécio -
na campanha eleitoral de 2014. Na fotomontagem capa, Ronaldo durante os protestos e impeachment da Presidenta Dilma


Ronaldo e Ricardo Teixeira - 
ex-presidente da CBF - reunciou em razão do escândalo FIFA


Ronaldo e José Maria Marin - 
ex-presidente da CBF, preso nos EUA, em razão do escândalo FIFA - foi deputado estadual pela antiga ARENA e, em razão de suas acusações, o jornalista Vladimir Herzog foi preso, torturado e morto no DOI CODI em SP durante a ditadura em 25/out/1975. 



Ronaldo e J. Hawilla - jornalista, diretor de esporte da Globo e dono da Traffic, principal empresa de marketing esportivo do Brasil, sócio da Rede Globo (dono da TV TEM que cobre metade do no interior de SP). J. Hawilla foi condenado nos Estados Unidos no "Escândalo FIFA", por extorsão, conspiração por fraude eletrônica, lavagem de dinheiro e obstrução da Justiça. Os crimes foram cometidos na intermediação de subornos para cartolas da Fifa, da CBF e outras confederações de futebol por contratos de direitos televisivos e de marketing. Ele admitiu os crimes e, para não ir para a cadeia, delatou quem recebia propinas e negociou pagar multa de quase meio bilhão de reais.

Ronaldo e Andres Sanches - empresário, ex- Presidente do Corinthians e Deputado Federal pelo PT-SP. Em sua gestão iniciou a construção do Estádio do Corinthians em Itaquera-SP pela Construtora Odebrecht e aparece em suas lista como beneficiado por R$ 3 milhões em caixa 2 para sua eleição.

Leia também:

BLOG DA HELENA - BOLA FORA (Escândalo CBF - FIFA): Globo esconde que J. Hawilla é sócio de filho de João Roberto Marinho - por Helena Sthephanowitz, para a Rede Brasil Atual publicado 29/05/2015 11h46, última modificação 29/05/2015 14h04 - Acusações ainda não foram feitas, mas sobram suspeitas de irregularidades no futebol da Globo.

Conseguirá a 'vênus platinada' convencer o público – e a Justiça – de que 'não sabia' que seus sócios pagavam propinas a cartolas pela transmissão de jogos de futebol?

Ao noticiar o escândalo de corrupção internacional de subornos no futebol que levou à prisão do ex-presidente da CBF, José Maria Marin, o Jornal Nacional da TV Globo omitiu informações relevantes ao telespectador.

A começar pelo fato de J. Hawilla ter sido diretor de esportes da própria Rede Globo em São Paulo – tendo sido antes repórter de campo – e já nessa época, começou paralelamente a comercializar placas de publicidade em estádios. Ali nascia o empresário com forte ligação com a emissora.

Em 2003 J. Hawilla fundou a TV TEM, sigla de Traffic Entertainment and Marketing, que forma uma cadeia de TVs afiliadas da Rede Globo no interior de São Paulo. As TVs de Hawilla cobrem quase metade do estado de São Paulo: 318 municípios e 7,8 milhões de habitantes, alcançando 49% do interior paulista. Entre as cidades cobertas estão, São José do Rio Preto, Bauru, Sorocaba e Jundiaí... continua - acesse o link aqui !

A dobradinha Hawilla-Globo não para por ai. Foi também do Grupo Globo que o empresário comprou, em 2009, o Diário de São Paulo. Ele já era dono da Rede Bom Dia, de jornais em cidades da área coberta pela TV TEM.

Faltou também o JN noticiar que os negócios da Globo com Hawilla que fazem parte da programação nacional da emissora. A produtora TV 7, que é da Traffic, faz os programas Auto Esporte e o Pequenas Empresas, Grandes Negócios, apresentados na Globo aos domingos, já há alguns anos.

Mas o que ninguém sabe e nem a Globo conta é que J. Hawilla é sócio de Paulo Daudt Marinho, filho e herdeiro de João Roberto Marinho, na TV TEM de São José do Rio Preto (SP).

João Roberto Marinho é um dos três filhos de Roberto Marinho que herdou o império da Rede Globo. O próprio João Roberto é sócio de dois filhos de J. Hawilla (Stefano e Renata) na TV TEM de Sorocaba (SP). Aliás a avenida em São José do Rio Preto onde fica a TV TEM ganhou o nome de Avenida Jornalista Roberto Marinho, em homenagem ao fundador da 'vênus platinada'. Continua - acesse o link aqui !
__________________________________________________________
Acesse, curta e recomende o JORNAL DO NASSIF

Participe do BLOG e comente esta matéria (dentro das regras abaixo)!

- Enviaremos um e-mail para confirmar se a postagem realmente é sua e não um fake (seu endereço de e-mail não será publicado, será mantido sob sigilo).
- Os comentários serão moderados e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva do autor do comentário.
- Não serão aceitas mensagens com links externos ao site, em letras maiúsculas, que ultrapassem 1000 caracteres, com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência.
- Não há, contudo, moderação ideológica.
A ideia é promover o debate mais livre possível, dentro de um patamar mínimo de bom senso e civilidade.
Obrigado!

Limite de caracteres no comentário : 1000

Total restante: